Saiba como pedir empréstimo com seu FGTS

Cada vez mais os serviços bancários têm se tornado cada vez mais fáceis de serem usados e mais acessíveis de serem solicitados. Antigamente, fazer alguma tarefa como essa era muito mais difícil e complicado – inclusive, era mais exclusivo para quem tinha mais dinheiro, claro.

Claro que, infelizmente, ainda existe muita burocracia em muitas instituições financeiras e bancos em relação a esse serviço, porém, não enfrentamos mais tantas dificuldades como essas. Diante disso, já é possível até solicitar empréstimo usando seu FGTS. Quer saber como fazer isso de maneira fácil? Continue lendo o texto abaixo.

Extremamente importante

Você sabe para o que de fato serve o FGTS? Se você de alguma forma já teve o mínimo de contato com o mercado de trabalho, muito provavelmente você já sabe o que é isso. Porém, mesmo nesses casos é possível que alguns detalhes desse benefício tenham passado batido.

Mas de forma simples, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um fundo inventado pelo Governo Federal para reservar um valor em situações em que o trabalhador é demitido sem justa causa. Então, caso você seja contratado pela CLT, todos os meses em que você estiver trabalhando, um certo valor será depositado para o seu FGTS.

Assim, se em algum momento você for demitido sem justa causa, é possível sacar todo esse valor acumulado. Porém, é importante saber que somente algumas classes de trabalhadores têm direito ao benefício e não é a todo momento que pode sacá-lo. Além disso, é possível solicitar empréstimo usando seu FGTS como garantia. Veja abaixo!

CONFIRA MAIS: FGTS com praticidade – Veja como consultar o benefício

Empréstimo usando o FGTS como garantia

Antes essa função só estava disponível para o banco da Caixa Econômica Federal, porém, agora muitos bancos já possuem acesso a esse tipo de operação e agora conseguem prestar esse tipo de serviço. Porém, talvez pode não ser exatamente como você pode estar pensando.

Quando solicitado, você não usa diretamente o valor do FGTS que fica guardado na conta da Caixa. Na verdade, funciona assim: o banco te empresta a quantia que foi solicitada e caso você não pague as prestações do empréstimo, o valor do seu FGTS vai para o banco, como garantia.

Por ser um tipo de serviço que possui mais garantias para o banco, é mais fácil para o cliente conseguir esse tipo de empréstimo, pois o banco possui uma garantia mais segura. Aliás, também pode ser uma boa opção para aquelas pessoas que estão negativadas nas protetoras de crédito.

Como solicitar esse tipo de empréstimo

Bom, isso na verdade, vai depender muito de banco para banco. Caso você tenha interesse em pedir esse tipo de empréstimo, é aconselhável que você ligue no seu banco e tire todas as suas dúvidas. Caso queira também, basta acessar o site da Caixa para mais informações.

Mesmo variando de banco para banco, é importante que você possua um FGTS (muitos autônomos podem não ter, por exemplo). Além disso, a taxa de juros e limite pode mudar de acordo com a sua instituição, mas é importante entrar em contato com eles.