Concurso público: Mais de 200 mil vagas no IBGE

Cada vez mais as possibilidades do mercado de trabalho estão aumentando e juntamente com ela, muitos cargos e profissões são necessárias para suprir as demandas do mercado e dar conta de tudo. Ao mesmo tempo, muitas empresas abrem suas portas para novos profissionais.

Aliás, por mais que muitas pessoas ainda estejam desempregadas e sem perspectiva de conseguir novas oportunidades, muitas instituições estão com vagas de trabalho para diversas áreas de atuação. Por isso, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) está com mais de 200 mil vagas abertas. Confira mais abaixo.

Sobre o IBGE

Por mais que já tenhamos visto essa sigla em vários lugares, muitas vezes nem sabemos o que realmente significa ou quais suas funções. Criado em 1934, IBGE é o instituto público responsável por organizar e administrar informações demográficas, econômicas e geocientíficas para munir com essas informações outros órgãos públicos.

O papel do IBGE é fundamental para que se possa compreender a realidade do brasileiro e assim, cooperar da melhor forma. Diante disso, os órgão federais, estaduais e municipais recebem essas informações e conseguem fazer uma melhor apuração da realidade, para que assim melhores medidas públicas sejam tomadas.

Além dessas demandas mais gerais e comuns citadas anteriormente, o instituto também possui outras funções que são importantes e mais específicas. Para isso, o IBGE está com mais de 200 mil oportunidades para diversas áreas e cargos por todo o Brasil. Confira mais abaixo!

Imagem: Governo Federal/ Reprodução

LEIA TAMBÉM: Oportunidade de trabalho – Diversas vagas abertas na Minax

Vagas de emprego no IBGE

Por mais que os cargos a serem ocupados sejam apenas temporários, essa pode ser uma grande oportunidade para quem busca uma recolocação no mercado de trabalho ou então até mesmo somente um trabalho provisório.

São 183.021 vagas para recenseadores, 18.420 para agente censitário supervisor (ACS) e 5.450 para agente censitário municipal (ACM) para todo o Brasil.

Para os cargos de recenseadores é necessário ter ensino fundamental. Já para os cargos de agentes censitários supervisores e censitários municipais, é necessário possuir ensino médio completo. Aliás, os salários variam de R$1,7 mil a R$21mil.

Em relação a taxa de inscrição, o recenseador deve pagar R$ 57,50 e o agente censitário precisa pagar R$ 60,50. Além disso, é possível que a mesma pessoa participe dos dois processos seletivos, aliás, os horários de cada prova são diferentes.

Além desses cargos e áreas, o IBGE está com oportunidades disponíveis na cidade do Rio de Janeiro para cargos de 12 vagas para supervisor censitário de pesquisas e codificação e 180 vagas provisórias para agente censitário de pesquisas por telefone.

Veja como candidatar-se para as vagas

Ficou interessado em aplicar para as vagas mostradas acima? Para as vagas do Rio de Janeiro é necessário inscrever-se por meio do site IDECAN (clique aqui para acessar).

Para as demais oportunidades espalhadas pelo Brasil, basta acessar o site do da Fundação Getúlio Vargas – FGV (clique aqui para acessar). Depois disso, acesse os links de acordo com a vaga e cargo que você procura e acessar o edital.

Vale lembrar que ler o edital do processo seletivo que você deseja participar é extremamente importante, pois lá estão todas as instruções como link de inscrição, datas de cada etapa, conteúdo da prova e toda e qualquer informação que seja importante para o participante.

Ao realizar a sua inscrição, é muito importante que você esteja atento sobre as datas e avisos que a banca organizadora da prova enviar para você, caso contrário, pode haver risco de você perder prazos e até a chance de entrar no processo seletivo.