Descubra como escolher um carro de acordo com suas finanças

Todo mundo gosta de ter uma facilidade para se locomover no dia a dia. A ideia de ir e voltar do trabalho todos os dias de carro realmente é muito tentadora – claro, que tem os contras como passar horas no trânsito e o gasto de gasolina.

Bom, é fato que ter um veículo próprio facilita muito a nossa vida, porém, aqui no Brasil os preços dos carros de entrada já são bem altos se comparado com a realidade financeira de muitos. Mas realizar essa vontade não é impossível e por isso te mostraremos algumas dicas de como escolher seu carro de acordo com suas finanças.

escolher-carro-e-suas-financas
Imagem: Freepik/ Reprodução

Sua realidade financeira

Antes de falar sobre qual o carro custo-beneficio do ano ou qual é o carro mais econômico desse ano, é muito importante que primeiro a gente fale sobre a realidade financeira. Na verdade, todo o assunto discutido abaixo e algum tópico que formos abordar será baseado nisso.

Sempre vamos gostar do que pode oferecer mais segurança, conforto, estilo e etc., porém, muitas vezes nossas finanças não conseguem acompanhar os nossos gostos. Inclusive, escolher algum veículo que não compatem com o nosso contexto real pode trazer mais problemas do que benefícios.

Por isso, faça uma lista de opções que sejam compatíveis com aquilo que você pode arcar e poderá manter, até porque esse gasto não pode ocupar uma grande porcentagem da sua planilha. Por mais que não seja o seu carro dos sonhos, é possível encontrar opções bem interessantes com aquilo que você pode arcar financeiramente.

escolher-carro-e-suas-financas
Imagem: Freepik/ Reprodução

Consultar placa de veículo no Detran – Saiba como

Doce lar: Confira 6 dicas principais para você conquistar seu primeiro imóvel

Gasto inicial e mensal

É muito comum que ao pensarmos na escolha de um veículo, somos muito guiados pelo valor da compra dele. Bom, e realmente faz sentido essa preocupação já que precisamos nos organizar para conseguir pagar o valor cobrado.

Porém, um veículo vai muito além do valor pago na concessionária, ele possui gastos mensais e anuais – que são bem consideráveis. Revisão, troca de peça e componente, gasolina, seguro, manutenção, conserto e algumas variáveis devem estar no planejamento financeiro.

Valor do financiamento

Se você não vai comprar à vista, muito provavelmente o financiamento será a opção mais comum e é necessário atenção nesse momento. Esse método de pagamento pode facilitar muito nossa vida, porém, você pode acabar pagando muito mais do que o ideal.

Por isso, veja quais são as quantidade de parcelas, taxa de juros, prazo de parcelas e outras variáveis. Isso é importante pois às vezes pode acabar pagando o dobro do valor do veículo só em taxa de juros dos financiamentos. Inclusive, quanto maior o valor que você der de entrada à vista, menor será o juros.

Instituições e negociação

Pesquise e busque bastante! Não deixe a emoção tomar conta de você e escolher a primeira oportunidade que aparecer. Procure bastante até ter a concessionária e instituição de empréstimo que fará mais sentido para você. E mesmo tendo encontrado, tente negociar para ter o melhor valor.

Sobre o carro

Depois de entender todos os aspectos financeiros, você poderá escolher um carro apropriado para você. Então, fique atento a questões como, tempo de uso do carro, estado do motor, segurança, economia de combustível, conforto, tamanho e outras questões.

Isso também é importante pois, por exemplo, não adianta economizar no valor de um carro muito usado, sendo que logo você terá que gastar com muita manutenção nele.

Seguindo esses princípios, você poderá tomar a melhor decisão para você.